La Página de los Cuentos
Tu comunidad de cuentos en Internet
[ Ingresa
|
Regístrate ]

Menu
Home
Noticias
Foro
Mesa Azul
Eventos
Enlaces
Temas
Búsqueda

Cuenteros
Locales
Invitados


Inicio / Cuenteros Locales / HIBRIDA / HOJE

 Imprimir  Recomendar
  [C:478201]

Hoje como na primeira vez
Sou meio inibição e curiosidade, porém,
Já não somos e no tempo nos perdemos!

Como antes segues quietude e distância
Nos teus lábios paira o silêncio, como sempre,
Já sem vigor ou riso, ao fim, sem pista de alegrias!

O perfume que exalava de ti transformou-se
Em simples cheiro diferente e estranho, ao meu olfato. És agora a síntese, de tuas inconstâncias, aos meus olhos!

No movimento de suas cirandas, inexorável, o tempo passa. Enquanto as vidas fazem escolhas ou se transformam: em ecos tardos, em tons que se desafinam, em cores findas da aquarela...

Em passado!

Texto agregado el 13-05-2011, y leído por 90 visitantes. (1 voto)


Lectores Opinan
2011-05-13 16:13:05 no, no, no, no...+ bellorizonte
 
Para escribir comentarios debes ingresar a la Comunidad: Login


[ Privacidad | Términos y Condiciones | Reglamento | Contacto | Equipo | Preguntas Frecuentes | Haz tu aporte! |
]