La Página de los Cuentos
Tu comunidad de cuentos en Internet
[ Ingresa
|
Regístrate ]

Menu
Home
Noticias
Foro
Mesa Azul
Eventos
Enlaces
Temas
Búsqueda

Cuenteros
Locales
Invitados


Inicio / Cuenteros Locales / hibrida / CHEIRINHO DE MÃE. (PROSA POÉTICA)

 Imprimir  Recomendar
  [C:400490]

Entre as tantas maravilhas de ser mulher.

Destaque-se, ser mãe!

Por ser ensino e aprendizado simultâneo,
Num observar sem métodos predeterminados, onde se pode constatar o desenvolver continuo compondo-se de mil e uns detalhes que escapam a outros observadores.

É sentir-se grande, no mínimo!

É desfrutar a plenitude de ser mulher, numa escolha.

É mais!

É sentir-se distinta, saber que se possui perfume único e perfumista exclusivo que manipula pelo querer as essências do carinho sublimando o aroma de mulher em Cheirinho de Mãe.

(- Mãe que cheiro é esse? - Que cheiro? - Esse? - Tudo tem seu próprio cheiro, esse cheiro é o cheiro deste lugar... Ah...! E você tem cheirinho de mãe, mãe. JC/04 anos).

Texto agregado el 17-04-2009, y leído por 136 visitantes. (1 voto)


Lectores Opinan
2009-04-17 16:01:40 muy interesante... aunque es un poco frustrante decir que entendí apenas la mitad del texto... disfrutar la plenitud de ser mujer es una memorable frase. Un saludo. Cchp
 
Para escribir comentarios debes ingresar a la Comunidad: Login


[ Privacidad | Términos y Condiciones | Reglamento | Contacto | Equipo | Preguntas Frecuentes | Haz tu aporte! |
]