La Página de los Cuentos
Tu comunidad de cuentos en Internet
[ Ingresa
|
Regístrate ]

Menu
Home
Noticias
Foro
Mesa Azul
Eventos
Enlaces
Temas
Búsqueda

Cuenteros
Locales
Invitados


Inicio / Cuenteros Locales / hibrida / PERDIDOS E ACHADOS (Adeus ano velho e Feliz 2008 - crônica)

 Imprimir  Recomendar
  [C:328480]

Calendários nas mãos!

Uma contagem na imaginação

E vários sentimentos no coração.

Quase acabado está o ano velho e outro bem novinho quase batendo à porta.

Em fleches o passado!
Persistente num reiterar presente.

Num contar regressivo a procura do que parecia perdido.
No afã de um renovar, vai se rebuscando as esperanças, e se achando, nas novas perspectivas.

Festins e ceias de véspera.
Quanta gente frenética a se movimentar.

O réveillion!

Entre o ano velho e novo ano, uma seção quimérica de perdidos e achados; numa sucessão real de calendários.

Em muitas línguas os desejos de tudo que há de bom, a todos, para o novo ano, que já começa aos Homens de crença Cristã, a bafejar.

Sem maiores delongas adeus ano velho e FELIZ ANO NOVO!
Recheado de AMOR, SAÚDE e PAZ.

Quanto ao que for em benefício, seguramente, chegará às mãos.
Realizando a imaginação e engrandecendo o coração.

Texto agregado el 26-12-2007, y leído por 144 visitantes. (2 votos)


Lectores Opinan
2007-12-31 15:18:29 FEEEELIZ 2008 para ti, claudia! E fico com tua frase tao sábia "Quanto ao que for em benefício, seguramente, chegará às mãos", é isso aí...mil beijos. nocheluz
2007-12-29 15:30:20 Gracias. Preciosos paisajes y deseos; y lindas palabras las tuyas. Claro que llegará... y el Corazón, se hace grande aprendiendo cada día... cada verso. Igualmente. GRINCHE_JOVEN_
 
Para escribir comentarios debes ingresar a la Comunidad: Login


[ Privacidad | Términos y Condiciones | Reglamento | Contacto | Equipo | Preguntas Frecuentes | Haz tu aporte! |
]