La Página de los Cuentos
Tu comunidad de cuentos en Internet
[ Ingresa
|
Regístrate ]

Menu
Home
Noticias
Foro
Mesa Azul
Eventos
Enlaces
Temas
Búsqueda

Cuenteros
Locales
Invitados


Inicio / Cuenteros Locales / hibrida / ASA BENDITA!

 Imprimir  Recomendar
  [C:279662]

Deus,
Não concedestes aos Homens asas como destes aos passarinhos...
Contudo, mesmo com asas esses seres alados são limitados - os seus vôos.

Dotastes, então, os homens de razão e bem longe se vão com seus arrazoamentos, reflexões e outros pensamentos Não havendo limites para o pensar.

Sendo a própria razão que leva e traz seres sem alas aos altiplanos dos questionamentos asa bendita! Ao içar-se conduz os não alados com a avidez de uma águia dilatando-lhes a perspicácia de todos os sentidos deixando-os voraz ao atuar.

No entanto, Deus, além de toda essa destreza que desenvolve os homens a partir do senso prático da razão que os eleva, porém, às vezes, em rasantes os transforma em seres repugnantes. Todavia, os dotastes de algo sumamente significante.

Doando-lhes um coração que ignora as fronteiras. Fazendo ir além do céu e chegar aos confins do horizonte. Distancia-se da razão nalguns instantes, mas, igualmente é, também, asa - um socorro!

E em devaneios desdobramento salutar equilibra nos Homens o amor e a razão resultando num sublime raciocinar.

Por tudo isso meu Deus, obrigado!

Pelas asas que me proporcionam humanizar-me, hoje, mais e mais, a cada momento, para os vôos mais altos, no futuro alçar. Não obstante, sempre em sintonia com vós me encontro Força Motriz do meu existir e não deixeis, jamais, de vós me desviar.

Texto agregado el 29-03-2007, y leído por 112 visitantes. (1 voto)


Lectores Opinan
2007-03-29 18:24:13 obrigada! como é bom voar, não é? principalmente com a imaginação... bendita mente alada! nocheluz
 
Para escribir comentarios debes ingresar a la Comunidad: Login


[ Privacidad | Términos y Condiciones | Reglamento | Contacto | Equipo | Preguntas Frecuentes | Haz tu aporte! |
]